1. Quero falar sobre a eliminação corintiana

    Caraca. É impressionante como está agitada as redes sociais falando da partida que eliminou o Sport Club Corinthians Paulista da Copa Libertadores 2013. Todos dando suas opiniões, as brincadeiras e revoltas, além dos absurdos escritos por alguns ‘torcedores’ de ambos os lados (os que apoiam o time, e, os chamados, “antis” - bah!).

    Agora, é minha vez. Claro, não mudará nada no mundo as minhas próximas palavras. Não direi algo muito inteligente, ou que agrade todo mundo. Mas eu quero falar. Falar da hipocrisia por parte de alguns corintianos. Primeiro e antes de tudo, que o árbitro Carlos Amarilla errou, e fez uma das piores arbitragem de um jogo importante nos últimos tempo, isso ninguém discute. O paraguaio deve ser punido pela CONMEBOL com algo extremo; sei lá, ser afastado por um longo período. Mas, o problema não é só ele. Nesta mesma edição de Libertadores, tivemos erros absurdos dos donos do apito em vários jogos. Deve haver uma reciclagem para que, num jogo importante, como é Boca vs. Corinthians (finalistas da edição do ano passado), tenha um árbitro a altura do clássico. Os erros cometidos pelo trio, podem ter influenciado no resultado final.

    Agora a “hipocrisia” dos corintianos, que disse antes. É algo muito fora de comum a revolta por parte dos corintianos. Os mesmos não aceitam que seu time possa ou não perder. Acham que há uma “teoria da conspiração” contra eles. Não aceitam que, claro o árbitro foi ruim, mas eles enfrentaram um hexacampeão de Libertadores, que está numa fase ruim, mas que tem um passado e jogadores de respeito. Mas, reclamar de arbitragem? É muita coisa. O Corinthians é historicamente conhecido por ser favorecido pelos mesmos durante vários torneios. Será que seria melhor para eles se  Edílson Pereira de Carvalho (lembra dele?) apitasse a peleja no Pacaembu, na última quarta?

    Por que quando é o Corinthians o prejudicado, a imprensa fica toda revoltada contra tudo e contra todos? (Digo isto porque há Blogs e sites na internet, de pessoas importantes, “chorando” horrores sobre a má arbitragem no futebol - como se fosse algo novo, e só contra eles!) Poxa, a arbitragem - em especial, a sul-americana - é ruim há muito tempo. Ah, claro; as TVs que transmitem o torneio devem ter ficados bem tristes com a eliminação corintiana, já que perderam sua principal fonte de audiência (outro detalhe, a diferença como foi tratada a eliminação do Palmeiras, na terça, para a do Corinthians, foi algo assustador. Poucas exceções na imprensa brasileira; neste caso, citar os profissionais fantásticos da ESPN Brasil, de resto…).

    E, por último, a reação da torcida no Estádio. Sim, é digno de aplausos. Por que? Merece todo os parabéns, já que há não muito tempo, estes mesmos apareciam quebrando tudo na cidade, destruindo carros e fazendo o terror na cidade (não só nas derrotas, mas também nas vitórias). Os torcedores (isto que falo, não é apenas para os corintianos, entendam como todos aqueles ‘fanáticos’ que brigam por causa de futebol, de várias outras equipes) deveriam ter a cabeça no lugar sempre, e não fazer baderna por coisa desimportante. Mas, mesmo assim, parabéns aos torcedores que foram ao estádio e apoiaram o time, até mesmo ao fim da partida. Este tipo de atitude é algo que merece muito destaque. 

    Para concluir, agora leio que o Corinthians quer anular a partida, quer isso, aquilo, e tal e coisa. O elenco corintiano, comandado pelo grande técnico Tite (o melhor treinador brasileiro na atualidade), merecem ficar revoltados com a arbitragem. Afinal, é uma das principais equipes da América e tinha tudo para ser bicampeões. Mas, reclamar disso tudo e não aceitar o resultado e que fizeram um primeiro jogo ruim e a primeira etapa também não muito boa, é muita coisa.

    É isso; acho que consegui falar tudo sobre a eliminação. Agora podem continuar a discutir.

     
  1. deboracanha gostou desta postagem
  2. beijei-sapos gostou desta postagem
  3. alansousa publicou esta postagem